31 de mai de 2012

Lula: 'Não permitirei que um tucano (PSDB) volte a presidir o Brasil'



O ex-presidente Lula foi entrevistado pelo apresentador Ratinho em seu programa no SBT

Por Ricardo Galhardo, iG São Paulo

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva admitiu nesta quinta-feira pela primeira vez que pode voltar a se candidatar à presidência. Lula disse no Programa do Ratinho, do SBT, que entra na disputa caso a presidenta Dilma Rousseff desista da reeleição com o objetivo de evitar a volta do PSDB ao governo.

“A única hipótese de eu voltar a me candidatar é se ela não quiser. Não vou permitir que um tucano volte a presidir o Brasil”, disse Lula. O programa ficou em segundo lugar na audiência com 8 pontos. Cada ponto equivale a 60 mil residências na grande São Paulo.

A primeira entrevista de Lula depois de diagnosticado o câncer na laringe em outubro do ano passado também serviu de palanque para o candidato do PT à prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad. O ex-ministro da Educação, empacado em 3% nas pesquisas de opinião, foi mostrado duas vezes, identificado como candidato de Lula, convidado a sentar à mesa de entrevista e alvo de fartos elogios. A produção do programa chegou a preparar um vídeo sobre o Pro-Uni com direito a personagens e cenas melodramáticas.

Haddad aproveitou o palanque para enumerar suas realizações no MEC e criticar a política de saúde da prefeitura. Lula também não poupou elogios ao pupilo. “O Haddad vai entrar para a história do Brasil como o ministro que criou o Pro-Uni”, disse o ex-presidente.

A pedido de Ratinho, Lula justificou o fato de ter escolhido um nome novo para concorrer. “O prefeito de São Paulo quando começa a nascer qualquer que seja já nasce um pouco velho”, afirmou. Além de Haddad, Lula chegou ao SBT acompanhado do prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho, do deputado Ratinho Jr. (PSC-PR), do vereador José Américo e assessores.

Desde o início do programa Ratinho avisou que não faria perguntas incômodas ao ex-presidente. “Ele não é mais presidente da República e não tem que ser cobrado por nada. Vamos falar da saúde, da recuperação, de política e desse timeco do Corinthians”, avisou. Pouco depois, ao pedir que os telespectadores enviassem perguntas pela internet, Ratinho foi ainda mais explícito.

“Aí começa todo mundo a mandar email com perguntinha besta mas eu não entro nessa. Vou conversar com o meu amigo Lula”, disse o apresentador. “Se for pergunta boa eu faço. Pergunta ruim não faço”, completou.

Quando faltava um minuto para o final do programa Ratinho citou o episódio com o ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes. “Eu nem ia perguntar sobre essa história do Gilmar Mendes porque o povão não entende muito”, disse o apresentador.

"Não tenho interesse em falar nisso. Quem inventou que prove a história. Quem acreditou nela que continue provando. O tempo se encarrega de arrumar as coisas", afirmou Lula

Ao longo de 44 minutos o ex-presidente foi alvo de elogios e teve o microfone à disposição para, com a voz fraca, atacar os adversários. Ao justificar as falhas no sistema de saúde pública, Lula acusou a oposição de acabar com a CPMF por vingança.

“Eles (adversários) não perceberam que não me prejudicaram mas prejudicaram o povo pobre. Por vingança me tiraram a CPMF que era imposto de rico”, afirmou.

Além de fazer política, Lula falou da vida fora da presidência e do tratamento contra o câncer na laringe. “Quando cheguei em São Bernardo o general (Gonçalves Dias, chefe da segurança) disse que depois de três dias vinham buscar os carros e os telefones. Lá pelas tantas meu filho disse que ia pedir um carro para ir embora e não tinha mais carro, o telefone não funcionava mais”, disse. “No dia seguinte estávamos eu e a Marisa sentados olhando um para a cara do outro sem saber o que fazer”, completou.

Sobre o câncer Lula falou das dificuldades do tratamento, da dor e de sua nova rotina. Apesar do assunto delicado, Lula mostrou bom humor ao comentar o terno que estava usando. “Eu brinquei com o Ratinho que este terno aqui comprei quando estava internado no hospital me preparando para por no caixão. Porque com terno velho eu não iria”, disse.



Comente nossas postagens! Com problemas para comentar? (clique aqui)

Gostou desse assunto, envie para seus contatos.

Obrigado pela visita e esperamos sempre sua volta.

Site: http://www.BlogdoFabioRodrigues.com.br
Contato: FabioRodrigues@FabioRodrigues.com


Clique aqui e leia texto completo

30 de mai de 2012

Contos do meu almoço ...



Estava eu almoçando e quando estou de saída escuto um grupo falando:

Já não sei em quem mais acreditar. TV, Rádio, Jornais impressos, Revistas, Portais manipulam a informação de um jeito que mentira, verdade e ficção são escritas da mesma forma.

Fiquei com vontade de dizer: o jeito é a descentralização do poder midiático e a punição da mídia por suas atitudes criminosas. Pois mentir para milhares de telespectadores é um crime muito grave.

E mais, a quem interessa essas mentiras?

Classe política, classe empresarial, agronegócio, ...



Comente nossas postagens! Com problemas para comentar? (clique aqui)

Gostou desse assunto, envie para seus contatos.

Obrigado pela visita e esperamos sempre sua volta.

Site: http://www.BlogdoFabioRodrigues.com.br
Contato: FabioRodrigues@FabioRodrigues.com


Clique aqui e leia texto completo

22 de mai de 2012

Reflita: Não deixe as pessoas quererem apagar seu Sol.




Com essa imagem e esse pensamento da figura acima eu me lembro alguns perguntando pra mim: Fábio tu ganha quanto fazendo isso?

Da vontade de responder: Vc ganha quanto para fazer o bem? Vc ganha quanto para se divertir na praia?

Eu faço por que acho legal fazer, não por que quero lucros disso!!!

Vamos que Vamos.



Comente nossas postagens! Com problemas para comentar? (clique aqui)

Gostou desse assunto, envie para seus contatos.

Obrigado pela visita e esperamos sempre sua volta.

Site: http://www.BlogdoFabioRodrigues.com.br
Contato: FabioRodrigues@FabioRodrigues.com


Clique aqui e leia texto completo

Vital do Rêgo (PMDB-PB), Presidente da CPI de Cachoeira emprega assessora fantasma no Senado em troca de artigos elogiosos do pai dela!

Vital do Rêgo (PMDB-PB)


Por Andreza Matais e Felipe Coutinho, na Folha:

O presidente da CPI do Cachoeira, Vital do Rêgo (PMDB-PB), contratou como funcionária fantasma em seu gabinete Maria Eduarda Lucena dos Santos, que se diz coautora do hit “Ai, Se Eu te Pego”, cantado por Michel Teló.

O emprego foi arrumado pelo pai de Maria Eduarda, o jornalista Adelson Barbosa, que admitiu à Folha que a filha foi contratada para receber pelos trabalhos que ele e outros dois jornalistas executariam: publicar reportagens favoráveis ao senador na imprensa local. Barbosa, que trabalha no jornal “Correio da Paraíba”, disse que partiu do senador a sugestão para burlar as normas do Senado.

“Quem faz o trabalho sou eu e meus outros dois colegas. Ele [senador], quando convidou a gente para fazer o trabalho, disse que não poderia nomear três pessoas. Ele sugeriu colocar uma pessoa e a gente divide o valor”, contou Barbosa. “Poderia ser no meu nome, ou no de um dos outros dois. Só que eu não podia, porque o Senado exigia não ter outro vínculo [de trabalho]. Minha filha é estudante e sugeri que fosse no nome dela.”

Maria Eduarda, 20, também disse à reportagem que o pai é quem responde pelo cargo. Ela foi contratada em fevereiro de 2011 como assistente parlamentar com salário de R$ 3.450. E é dispensada de comprovar presença.

Estudante universitária, ela diz ter criado o “Ai, se eu te pego” numa viagem com colegas à Disney em 2006. A Justiça concedeu liminar em favor dela e das amigas bloqueando o dinheiro arrecadado com a música até que se decida a autoria. A contratação de funcionários fantasmas pode gerar ação por improbidade. O presidente da CPI também emprega no gabinete parentes de políticos e aliados. Ele contratou uma filha do ex-governador peemedebista José Maranhão, a mãe do deputado federal Hugo Motta (PMDB-PB), uma prima do ex-senador Ney Suassuna e uma cunhada de seu primeiro-suplente, Raimundo Lira, com salários que variam de R$ 2 mil a R$ 12,8 mil. O senador emprega ainda a mulher de Carlos Magno, coordenador de comunicação de sua campanha em 2010.


Retirado: Blog Reinaldo Azevedo



Comente nossas postagens! Com problemas para comentar? (clique aqui)

Gostou desse assunto, envie para seus contatos.

Obrigado pela visita e esperamos sempre sua volta.

Site: http://www.BlogdoFabioRodrigues.com.br
Contato: FabioRodrigues@FabioRodrigues.com


Clique aqui e leia texto completo

20 de mai de 2012

O bom debate para João Pessoa 2012



Por Fábio Rodrigues

Estava já a um certo tempo querendo falar um pouco sobre as eleições de João Pessoa, minha terra natal, onde nasci e amo de paixão. Cidade bonita, de povo acolhedor, mas com poucos políticos que tenham o dom de fazer política. Sem pensar apenas em enriquecer ilicitamente, de zombar da cara de todos nós que trabalhamos seriamente e pagamos os impostos devidos. Quanto aos impostos tenho uma ressalva, tem muito sonegador lendo essa postagem!!!

Mas vamos pra Jampa, assim chamamos essa terra onde o sol nasce primeiro. Fiquei bastante impressionado como o PSB descartou a reeleição de Luciano Agra, dentre os últimos prefeitos, inclusive do Mago (Ricardo Coutinho), um cara que demonstra que não tem interesse nenhum em roubar o dinheiro da prefeitura, isso pode parecer pouco para alguns, mas por incrível que pareça é uma virtude de poucos agentes políticos. Todos querem levar para casa o que não é seu, e a população só se volta contra tal atitude quando nenhum dos seus são beneficiários dessa podridão.

Acredito que a cidade de João Pessoa vai perder muito sem a postulação de Agra a reeleição. Os outros candidatos mais bem colocados são apenas o retorno dos que não foram. Zé Maranhão (PMDB), com a justiça eleitoral na sua cola, parece que não ver que a política já lhe convidou pra a aposentadoria, se fosse servidor concursado já tinha se aponsentado compulsoriamente desde 2003, a quase 10 anos (nasceu em 6 de setembro de 1933). Acredito que Jampa pode sim diplomar Maranhão com sua aposentadoria, ele merece.

Quanto a Cícero Lucena (PSDB), a história fala por si. Não acredito que a população esqueceu o passado tão pouco distante, onde matérias eram vinculadas nas páginas policiais. Talvez por ter feito uma gestão clientelista ainda tenha uma votação expressiva. Mas não vence, pois sua rejeição é muito grande, mesma coisa de Maranhão, rejeições elevadas. Com isso, derrota na certa.


Postagem relacionada: "Resultado das enquetes: "Eleições 2012 - Pref. JP e Recife?" (2º Levantamento)", clique aqui.


Comente nossas postagens! Com problemas para comentar? (clique aqui)

Gostou desse assunto, envie para seus contatos.

Obrigado pela visita e esperamos sempre sua volta.

Site: http://www.BlogdoFabioRodrigues.com.br
Contato: FabioRodrigues@FabioRodrigues.com

Clique aqui e leia texto completo

#LulaNoFace - www.Facebook.com/Lula



Visite, curta, compartilhe e comente:

 



Comente nossas postagens! Com problemas para comentar? (clique aqui)

Gostou desse assunto, envie para seus contatos.

Obrigado pela visita e esperamos sempre sua volta.

Site: http://www.BlogdoFabioRodrigues.com.br
Contato: FabioRodrigues@FabioRodrigues.com


Clique aqui e leia texto completo

13 de mai de 2012

Mudanças na Poupança: Bom para o Povo Trabalhador, ruim para Oposição de Direita (PSDB/DEM/PPS).



Poupança: Relator da MP que altera regras elogia iniciativa do governo e critica oposição

Henrique Fontana (PT-RS) reafirma que direitos dos pequenos poupadores estão garantidos nas novas medidas

O deputado Henrique Fontana (PT-RS) será o relator da medida provisória (MP 567/12) que muda as regras de correção da caderneta de poupança. A indicação foi feita pelo líder do PT na Câmara, Jilmar Tatto (SP).

A nova regra de rendimento da poupança só valerá para os depósitos ou para as novas contas de poupança abertas a partir do dia 4 de maio. Nestes casos, toda vez que a taxa básica de juros, a Selic, estiver igual ou abaixo de 8,5% ao ano, a remuneração da poupança será equivalente a 70% da Selic mais a taxa referencial de juros (TR). Com essa alteração, o governo está protegendo e tornando a poupança cada vez mais segura e rentável para o pequeno poupador, além de permitir que os juros no Brasil sigam caindo.

Fontana elogiou a medida anunciada pelo governo na semana passada e acredita que a MP tramitará sem problemas já que não afeta antigos depósitos e garante os direitos dos poupadores.

Ele também criticou a postura da oposição que afirmou ser contra a MP.

“Eu espero que a oposição revise essa posição contrária porque é uma medida extremamente benéfica à economia brasileira. Na medida em que nós colocamos o rendimento da poupança de forma segura para abrir canais para uma redução da taxa de juros ainda maior, nós estamos beneficiando especialmente o pequeno poupador e a população de baixa renda que hoje sofre muito com taxas de juros no crediário que são inaceitáveis. Essa nova medida, ao desindexar a poupança, ela permite exatamente que a Selic baixe dos 9% atuais para 8%, 7%, ou até menos”.

Fonte: Portal PT e TVPT com site da Liderança do PT


Postagens relacionadas: "O PPS presta um desserviço a sociedade brasileira", clique aqui.
"E eu perguntei para o Deputado do PPS.", clique aqui.
"Jungmann: a piada levada a sério", clique aqui.

Comente nossas postagens! Com problemas para comentar? (clique aqui)

Gostou desse assunto, envie para seus contatos.

Obrigado pela visita e esperamos sempre sua volta.

Site: http://www.BlogdoFabioRodrigues.com.br
Contato: FabioRodrigues@FabioRodrigues.com


Clique aqui e leia texto completo

7 de mai de 2012

O gigolô das palavras


Essa postagem é especial para os leitores desse blog, metidos a "intelectuais e professores de português", que só tem uma contribuição para esse espaço, criticar nossa escrita.

Por Luís Fernando Veríssimo
 
Quatro ou cinco grupos diferentes de alunos do Farroupilha estiveram lá em casa numa mesma missão, designada por seu professor de Português: saber se eu considerava o estudo da Gramática indispensável para aprender e usar a nossa ou qualquer outra língua. Cada grupo portava seu gravador cassete, certamente o instrumento vital da pedagogia moderna, e andava arrecadando opiniões. Suspeitei de saída que o tal professor lia esta coluna, se descabelava diariamente com suas afrontas às leis da língua, e aproveitava aquela oportunidade para me desmascarar. Já estava até preparando, às pressas, minha defesa ("Culpa da revisão! Culpa da revisão !"). Mas os alunos desfizeram o equívoco antes que ele se criasse. Eles mesmos tinham escolhido os nomes a serem entrevistados. Vocês têm certeza que não pegaram o Veríssimo errado? Não. Então vamos em frente.

Respondi que a linguagem, qualquer linguagem, é um meio de comunicação e que deve ser julgada exclusivamente como tal. Respeitadas algumas regras básicas da Gramática, para evitar os vexames mais gritantes, as outras são dispensáveis. A sintaxe é uma questão de uso, não de princípios. Escrever bem é escrever claro, não necessariamente certo. Por exemplo: dizer "escrever claro" não é certo mas é claro, certo? O importante é comunicar. (E quando possível surpreender, iluminar, divertir, mover... Mas aí entramos na área do talento, que também não tem nada a ver com Gramática.) A Gramática é o esqueleto da língua. Só predomina nas línguas mortas, e aí é de interesse restrito a necrólogos e professores de Latim, gente em geral pouco comunicativa. Aquela sombria gravidade que a gente nota nas fotografias em grupo dos membros da Academia Brasileira de Letras é de reprovação pelo Português ainda estar vivo. Eles só estão esperando, fardados, que o Português morra para poderem carregar o caixão e escrever sua autópsia definitiva. É o esqueleto que nos traz de pé, certo, mas ele não informa nada, como a Gramática é a estrutura da língua mas sozinha não diz nada, não tem futuro. As múmias conversam entre si em Gramática pura.

Claro que eu não disse isso tudo para meus entrevistadores. E adverti que minha implicância com a Gramática na certa se devia à minha pouca intimidade com ela. Sempre fui péssimo em Português. Mas - isso eu disse - vejam vocês, a intimidade com a Gramática é tão indispensável que eu ganho a vida escrevendo, apesar da minha total inocência na matéria. Sou um gigolô das palavras. Vivo às suas custas. E tenho com elas exemplar conduta de um cáften profissional. Abuso delas. Só uso as que eu conheço, as desconhecidas são perigosas e potencialmente traiçoeiras. Exijo submissão. Não raro, peço delas flexões inomináveis para satisfazer um gosto passageiro. Maltrato-as, sem dúvida. E jamais me deixo dominar por elas. Não me meto na sua vida particular. Não me interessa seu passado, suas origens, sua família nem o que outros já fizeram com elas. Se bem que não tenho o mínimo escrúpulo em roubá-las de outro, quando acho que vou ganhar com isto. As palavras, afinal, vivem na boca do povo. São faladíssimas. Algumas são de baixíssimo calão. Não merecem o mínimo respeito.

Um escritor que passasse a respeitar a intimidade gramatical das suas palavras seria tão ineficiente quanto um gigolô que se apaixonasse pelo seu plantel. Acabaria tratando-as com a deferência de um namorado ou a tediosa formalidade de um marido. A palavra seria a sua patroa! Com que cuidados, com que temores e obséquios ele consentiria em sair com elas em público, alvo da impiedosa atenção dos lexicógrafos, etimologistas e colegas. Acabaria impotente, incapaz de uma conjunção. A Gramática precisa apanhar todos os dias pra saber quem é que manda.



Comente nossas postagens! Com problemas para comentar? (clique aqui)
 
Gostou desse assunto, envie para seus contatos.

Obrigado pela visita e esperamos sempre sua volta.

Site: http://www.BlogdoFabioRodrigues.com.br
Contato: FabioRodrigues@FabioRodrigues.com


Clique aqui e leia texto completo

6 de mai de 2012

#CPIdoCachoeira: Documentos da PF mostram que Veja atendia a interesses de Cachoeira



Escutas telefônicas gravadas com autorização da Justiça revelaram uma ligação sombria entre o chefe de um esquema milionário de jogos ilegais, Carlinhos Cachoeira, e a maior revista semanal do Brasil, Veja.

As conversas mostram uma relação próxima entre o contraventor e Policarpo Júnior, diretor da revista em Brasília (DF). Segundo documentos da Polícia Federal, Cachoeira teria passado informações que resultaram em pelo menos cinco capas da Veja, além de outras reportagens em páginas internas, publicadas de acordo com interesses do bicheiro e de comparsas.

Trata-se de uma troca de favores, que rendeu muitos frutos a Carlinhos Cachoeira e envolveu a construtora Delta. O escândalo pode levar Roberto Civita, presidente da empresa que publica a Veja e um dos maiores barões da imprensa do País, a ser investigado e convocado para depor na CPI.


Fonte: R7.com


Postagens relacionadas: "Frase do Mês - Abril de 2012", clique aqui.
"Frase do Mês - Setembro de 2011", clique aqui.
"17 de setembro - Marcha contra a revista Veja", clique aqui.
"Anvisa adverte: Veja faz mal à saúde", clique aqui.
"Veja ilustra por que a mídia precisa de leis", clique aqui.
"Veja ameaça a democracia. Boicote já!", clique aqui.
"Blogueiro da “Veja” frauda e inverte comentário", clique aqui.
"O assalto do grupo Abril aos cofres públicos na venda de livros ao MEC", clique aqui.



Comente nossas postagens! Com problemas para comentar? (clique aqui)

Gostou desse assunto, envie para seus contatos.

Obrigado pela visita e esperamos sempre sua volta.

Site: http://www.BlogdoFabioRodrigues.com.br
Contato: FabioRodrigues@FabioRodrigues.com

Clique aqui e leia texto completo

2 de mai de 2012

Frase do Mês - Abril de 2012





Postagens relacionadas: "Frase do Mês - Outubro de 2011", clique aqui.
"#CPIdoCachoeira - Dep. Federal Fernando Ferro (PT/PE): “A Veja se associou ao crime organizado para fazer Jornalismo”", clique aqui.




Comente nossas postagens! Com problemas para comentar? (clique aqui)

Gostou desse assunto, envie para seus contatos.

Obrigado pela visita e esperamos sempre sua volta.

Site: http://www.BlogdoFabioRodrigues.com.br
Contato: FabioRodrigues@FabioRodrigues.com



Clique aqui e leia texto completo
Clique no link "Postagem(ns) mais antiga(s)" (acima), para continuar lendo nosso blog. E a qualquer momento clique no link "Início" para voltar a página inicial.