5 de abr de 2011

Blog do Fábio Rodrigues declara apoio para @Anisio_Reitor 56 na UFPE






Por Fábio Rodrigues

Queremos declarar nosso total apoio ao professor Anísio Brasileiro para Reitor da UFPE. O número para Consolidar e Inovar a gestão exitosa de Amaro é 56, no dia 26 de abril.

Entrei na UFPE em 2002 no curso de Administração. Participei ativamente do movimento estudantil e verifiquei uma universidade sucateada. Desde bibliotecas, salas pouco ventiladas, inexistência de restaurante universitário, professores e técnico-administrativos desmotivados.

Em 2003 ajudei na campanha de Amaro e Gilson para reitor. Uma campanha vitoriosa e emociante. Uma gestão que resgatou a auto-estima da comunidade acadêmica. Entre algumas reuniões e debates conheci o professor Anísio, então Pró-Reitor de Extensão. Pessoa séria, competente, batalhador e sonhador. Acabei meu curso em 2006 e não participei da reeleição de Amaro em 2007.

A trajetória de Anísio Brasileiro se confunde com a UFPE pelo menos desde 1973, quando ele iniciou a graduação em Engenharia Civil. Essa relação que começou na graduação, ainda como estudante, iria se aprofundar em todos os passos seguintes: Anísio começou sua carreira universitária como professor em 1978, um ano após sua formatura como engenheiro, em 1977.

Seus pais sempre deixaram claro que a educação era a prioridade para a família. “Meus pais diziam que educação começa dentro de casa. E foi assim que tive acesso aos clássicos no ambiente doméstico. E foi por isso que meus pais me colocaram no Colégio Diocesano, dirigido com rigor pelo padre Adelmar”.

Agora estamos aqui para dizer que Anísio 56 é o candidato para a UFPE continuar sendo uma grande multiplicadora de cidadania, de desenvolvimento e de cultura em nosso Estado.

Saliento que nutro grande respeito pelo professor Pierre, candidato da oposição. Sou leitor do seu blog Acerto de Contas, porém nessa eleição tenho um lado que é do professor Anísio.



Comente nossas postagens! Com problemas para comentar? (clique aqui)

Gostou desse assunto, envie para seus contatos.

Obrigado pela visita e esperamos sempre sua volta.

Site: http://www.BlogdoFabioRodrigues.com.br
Contato: FabioRodrigues@FabioRodrigues.com


6 comentários:

  1. Meu presidente!!!! Respeito sua decisãootar apesar de pensar justamente o contrário. Votar na situação é votar no mesmo modo de pensar, arquaico e conservador. É votar em pro-reitores com quase 12 anos no mesmo cargo, isso não pode ser sadio Fabio. O Restaurante Universitario e ridículo, de uma imbecilidade tremenda, da pensa quem tem que se sujeitar aquela fila, serio mesmo, e para terminar, que é o dono é o chefe Platão. Chefe Platao em quase todos os restaurantes da UFPE, como isso nao e visto por você? Academicamente a UFPE cada vez mais se firmando como coadjuvante, e aceitando isso. Melhorias ha sim, mas não significativas. Quantos casos de violencia dentro do campus, quantas obras inacabadas... Fabio o CHCH comecou a ser reformado quando entramos em administração a quase 10 anos atras. Respeito o Prof Anisio, sei que ele tem uma historia de dedicação a UFPE, mas não da para votar no canditado de Amaro nao. Por isso, vejo nas oposições muito mais conforto para depositar minha confiança!!! Abraço!!!

    ResponderExcluir
  2. Meu futuro prefeito de Caruaru!!!

    Que bom de sua presença por aqui! Só falando de nossa UFPE que consigo sua nobre visita.

    Geovanes, meu grande amigo da graduação do curso de Administração / UFPE, no qual tive a alegria de dividir momentos de crescimento pessoal e profissional.

    Primeiro também respeito sua posição contrária a minha, mesmo não concordando com ela, pois sei que #Anísio56 não é arquaico e conservador.

    Uma retificação, no poder a 8 anos e não 12 anos, pois Anísio começou ajudando na gestão de Amaro em 2003, antes era o pessoal da oposição, ligado ao saudoso FHC!!!

    Na nossa época de graduação Geovanes você se lembra que a eleição de 2003 não era paritária? Sabe quem lutou pra isso mudar e todos os votos - professores, técnico-administrativos e estudantes terem o mesmo peso? Anísio! Isso é ser arquaico e conservador.

    Quanto ao Restaurante Universitário na nossa época nem existia? Hoje pode até não ser uma maravilha, precisamos lutar para melhorara. Mas não é melhor que não ter nada???

    "Melhorias ha sim, mas não significativas." E o que podemos dizer da interiorização da UFPE? Não é significativa amigo, logo você que veio do interior!!!

    E outra coisa na gestão Amaro / Anísio: "Centro Regional de Ciências Nucleares do Nordeste (CRCN) / Departamento de Energia Nuclear da UFPE (DEN), área ligada à Medicina Nuclear."

    Geovanes a UFPE é muito mais que obras de cimento e segurança física!!!

    A UFPE possui obras sociais, econômicas, tecnológicas, científicas, culturais.

    O grave problema da segurança não é só da UFPE, é do Recife e do Brasil como um todo. E todos nós sabemos disso. Passamos na pele por perder um amigo da graduação para a violência do Recife.

    Por isso, e muito mais, acredito e peço aos amigos e amigas que contribuam para uma UFPE pública, gratuita e de qualidade com Anísio 56 Reitor.

    Abraço fraterno,

    Fábio Rodrigues.

    ResponderExcluir
  3. Concordo com Geovannes.
    O governo Lula injetou muito dinheiro nas Universidades com o reuni e algumas melhorias foram feitas. Se não fosse feito nada com esse derrame de dinheiro a gestão além de incompetente, teria que ser corrupta.

    O Reitor Amaro e seu candidato dizem que esse investimento foi feito graças ao seu reitorado, quando na verdade sabemos que isso foi um projeto político de abrangência nacional. Quase todas a universidades tiveram aumentos consideráveis em seus orçamentos.

    O restaurante universitário não merece nem ser comentado. Após 6 anos para entrar em funcionamento, funciona de forma vergonhosa.

    "Parte excluída".

    É uma luta de Davi contra Golias, só resta saber se desta vez Davi ganhará a batalha como no mito bíblico.

    Obs: Comentário editado pelo moderador desse blog, face ferir parte da política de "Moderação de comentários". Não foi adicionada palavra alguma. As não permitidas foram substituidas por "Parte excluída". Motivo: acusação sem provas e proveniente login anônimo.

    ResponderExcluir
  4. Meus caros colegas de graduação da turma 2001.2, concordo com o Geovannes e acrescento.

    1.
    A conquista do restaurante universitário deveria ser um orgulho, mas na verdade é uma vergonha. Depois da espera de quase seis anos para a implementação (que já é um absurdo), temos um funcionamento precário e subdimensionado. Quem depende dele pra comer tinha que se submeter a tortura de esperar uma hora na fila, em baixo do sol do meio-dia. Eu digo tinha pq a fila hoje (dizem) é dentro do próprio restaurante. Afinal, nesse período eleitoral lembraram-se que os votos dos alunos eram necessários e pegava muito mal aquela mutidão se bronzeando no nosso ameno sol do meio-dia.

    2. O Prof. Amaro eo Prof. Anísio dizem que foi obra de seu reitorado o aumento no orçamento da UFPE. Ora, o reuni foi um projeto político nacional, onde quase todas as UF's obtiveram um aumento substancial em seus orçamentos. Como não haveria de ter avanços com tantos recursos injetados dentro da universidade? Só pela via da improbidade administrativa, ineficiência só não bastaria.

    3. "Parte excluída".

    4. O Prof. Anísio apoiar esse DCE sem nenhuma legitimidade em troca do apoio do DCE também uma vergonha.

    Precisa mais?

    Enfim, é uma luta de Davi contra Golias. Vamos ver quem ganha.

    PS.: Sinto-me no dever de falar mas por causa dessas perseguições que existem sinto-me no direito do anonimato.

    Obs: Comentário editado pelo moderador desse blog, face ferir parte da política de "Moderação de comentários". Não foi adicionada palavra alguma. As não permitidas foram substituidas por "Parte excluída". Motivo: acusação sem provas e proveniente login anônimo.

    ResponderExcluir
  5. Anônimo,

    Não sei se você quer se passar por ter estudado comigo e Geovanes, ou sua fonte de informação está errada. Pois não somos do período 2001.2!!!

    Que erro em???

    Será que você é estudante mesmo, ou apenas fazendo campanha para a oposição.

    Quanto aos seus argumentos iria até debater, mas depois desse início desastroso, prefiro ficar no silêncio e primeiro ver como nossos amigos leitores refletem sobre esse "ERRO" ou "MENTIRA" inicial.

    Quem sabe escrevo alguma coisa depois do final de semana.

    Abraço fraterno,

    Fábio Rodrigues.

    ResponderExcluir
  6. Outra, desqualificar as críticas por um engano cronológico é tirar o foco da questão pricipal.

    ResponderExcluir

Clique no link "Postagem(ns) mais antiga(s)" (acima), para continuar lendo nosso blog. E a qualquer momento clique no link "Início" para voltar a página inicial.