8 de out de 2009

Chapéu de Palha 2009 beneficiou 28 mil famílias da Zona da Mata

Eduardo Campos (PSB-PE)

O governador Eduardo Campos esteve nesta quarta-feira (07/10), em Água Preta, na Mata Sul do Estado, para comemorar junto aos trabalhadores rurais da região o sucesso da edição 2009 do programa Chapéu de Palha. Este ano, o Governo do Estado investiu R$ 35 milhões para beneficiar 28.264 pequenos agricultores de 52 municípios da zona canavieira pernambucana.

A cerimônia aconteceu no Parque Ecológico Vasconcelos Sobrinho e reuniu um grande número de integrantes do Governo, além de prefeitos e vereadores da região. O governador afirmou que a versão 2010 do programa trará melhorias e mostrou-se muito feliz em ver o quanto o Chapéu de Palha é capaz de mudar a vida dos trabalhadores:

“Eu vi cerca de três mil jovens que aprenderam uma profissão e outras três mil mulheres que participaram de cursos, aprenderam a ler e escrever e se informaram dos seus direitos. Só quem faz as coisas com sentimento sabe o que isso significa”, revelou.

O Chapéu de Palha foi lançado durante a segunda gestão do ex-governador Miguel Arraes. Em 2007, através de decreto, Eduardo reeditou a iniciativa de forma ampliada e modernizada. Em março deste ano, a ajuda aos trabalhadores da palha da cana durante a entressafra virou Lei Estadual e acompanhou o aumento do salário mínimo passando de R$ 190 para R$ 232,50.

No dia primeiro de maio, o programa foi ampliado e passou a atender também cerca de oito mil famílias de trabalhadores da fruticultura irrigada dos municípios de Santa Maria da Boa Vista, Lagoa Grande, Petrolina, Orocó, Belém do São Francisco, Cabrobó e Petrolândia, no Vale do São Francisco.

O Chapéu de Palha passou a ser um direito, uma política pública que teremos no Estado, todos os anos, para diminuir o sofrimento de tantas famílias que na entressafra passam pelo drama do desemprego e da falta de quase tudo dentro de casa. É nesta época que uma bolsa de 232,50 reais pode fazer a diferença dentro de um lar”, explicou Eduardo.

“Tão importante quanto a bolsa, são as ações oferecidas pelas sete secretarias envolvidas no Chapéu de Palha”, afirmou o Cel. Pereira Lima, coordenador-executivo do programa. O programa oferece, entre outras ações, capacitação profissional para jovens e adultos; cursos de formação de agentes de políticas públicas para mulheres rurais; atenção à saúde da mulher; recuperação de matas ciliares; melhoria da infraestrutura dos municípios (a exemplo de revitalização de praças, ruas e postos de saúde), alfabetização de jovens e adultos, plantio de mudas e instalação de viveiros, além da emissão de documentos.

Participam do programa, coordenado pela secretaria de Planejamento e Gestão, outras sete pastas: Educação; Mulheres; Juventude e Emprego; Ciência, Tecnologia e Meio Ambiente; Saúde, Agricultura e Reforma Agrária, além da secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos.

A dona-de-casa Luciene Maria da Silva, 37 anos, fez exames de prevenção da saúde e também teve aula de artesanato: “Aprendi muita coisa que eu não sabia. Foi a melhor coisa do mundo, porque antes eu não saía de casa, ficava só cuidando dela e dos meus filhos e agora conheci um monte de gente boa. Foi um sonho!. Fiquei muito orgulhosa e pretendo fazer de novo. Esse programa é muito importante e o governador realmente se preocupa com as mulheres”, declarou.

MAIS AÇÕES – Na ocasião, o governador ainda assinou convênios de cooperação técnica do programa Minha Casa, Minha Vida com a prefeitura de Água Preta, entregou carteiras de habilitação do programa CNH Popular e assinou um convênio com a prefeitura local para a construção de uma Academia das Cidades. O equipamento custará R$ 640 mil e será construído no próprio Parque Ecológico Vasconcelos Sobrinho.

Com tanta coisa boa prevista para o município, o prefeito Eduardo Coutinho foi só elogios ao Governo do Estado: “Tudo isso demonstra a visão sensível e atenta que o governador tem de todo o Estado. Todos percebem a diferença de um governo presente e de outro que se escondia em propagandas”, comparou
Atualmente, cerca de 100 cidades em Pernambuco já contam com a Academia ou estão com o projeto já definido para a sua construção. A meta é que até o final de 2010, todos os municípios sejam contemplados com o programa.

Fonte: Governo de Pernambuco



Não deixe de comentar nossas postagens.

Gostou desse assunto, envie para seus contatos.

Obrigado pela visita e esperamos sempre sua volta.

Site: http://www.FabioRodrigues.com
Contato: fabiorodrigues@fabiorodrigues.com


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Clique no link "Postagem(ns) mais antiga(s)" (acima), para continuar lendo nosso blog. E a qualquer momento clique no link "Início" para voltar a página inicial.