3 de mai de 2009

Extração de óleo do pré-sal é a segunda independência do Brasil, diz Lula


No Portal do PT

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva comparou o início da produção na área de Tupi, na camada pré-sal, a uma nova independência do país. Lula disse que a possibilidade de desenvolver gigantescas reservas de petróleo e gás dará ao país mais respeitabilidade nas negociações bilaterais. Para o presidente, o desenvolvimento da camada pré-sal ajudará o país a elevar a autoestima do brasileiro.

"Que a partir de hoje se conte uma nova e melhor história para esse país. O brasileiro tem que se gostar, ao longo dos anos sempre jogamos para baixo, achando que o que é de fora é melhor", afirmou, durante cerimônia em comemoração ao início da produção na camada pré-sal da bacia de Santos. "É a segunda independência do Brasil."

Lula voltou a defender mudanças nas regras do setor de petróleo, destacando que, ao mesmo tempo em que o país tem "grandeza para respeitar contratos", tem também "grandeza para mudar pensando nas garantias que vamos dar para nossos filhos e netos".

A crescente importância do Brasil no cenário internacional foi ressaltada por Lula em seu discurso. Ele lembrou que, cada vez mais, o país vem sendo chamado para as reuniões das principais nações do mundo. O presidente lembrou, no entanto, que o Brasil não pode deixar se contaminar pela "arrogância e pelo nariz empinado". "Toda vez que a gente ganha importância, tem que ficar mais humilde", disse.

Lula exaltou a Petrobras e lembrou que o governo anterior (FHC) quis mudar o nome da estatal e privatizá-la. Para Lula, a Petrobras é a musa que o Brasil carrega pelo mundo como exemplo de sucesso. Acrescentou que o pré-sal dá ainda mais importância à estatal no contexto da exploração em águas profundas.

"Petrobras, vocês são os caras", afirmou, em alusão ao presidente americano Barack Obama, que disse o mesmo para Lula

Em um discurso bem-humorado, Lula lembrou que gostaria de ter ido à plataforma para presenciar a extração - a visita foi cancelada em função de más condições do tempo. Disse que se sentia como o "marido que vai à igreja e a mulher não aparece", e presenteou o vice-presidente, José Alencar, com o barril contendo o primeiro óleo extraído de Tupi.

"É um momento histórico que precisava presenciar. É o início de uma nova era", completou.

Fluindo bem

O presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli, também comemorou a extração com sucesso do primeiro óleo do campo de Tupi.

"Começou a produção e está muito bem, fluindo como o esperado, é um óleo muito bom, de 28 graus API", disse Gabrielli, que entregou o barril a Lula.

O campo de Tupi, o primeiro que será desenvolvido dos 10 blocos já descoberto na bacia de Santos, vai produzir durante o Teste de Longa Duração entre 14 e 15 mil barris diários, e não mais 30 mil barris diários como planejado anteriormente.

"O teste deve chegar a 14, 15 mil, porque temos a limitação do 'flare' (queima de gás)", informou o executivo. O preço de extração, segundo ele, é inferior ao preço do petróleo no mercado internacional atualmente.

A Agência Nacional do Petróleo limita o volume de gás natural que uma empresa pode queimar durante a operação.

Gabrielli informou que o teste vai durar 15 meses em dois poços, e o resultado vai "depender da evolução dos poços, vamos testar 3 meses um, 6 meses outro, tudo como o planejado", afirmou.

"Estamos iniciando realmente uma nova etapa, a descoberta foi feita em 2006, nenhuma outra descoberta desse tamanho teve o primeiro óleo em 3 anos", destacou.

"É uma demonstração da capacidade da Petrobras de realmente desenvolver essa área", afirmou Gabrielli.

A Petrobras prevê produzir 100 mil barris diários de petróleo em Tupi no Plano Piloto, que será iniciado em 2010, e projeta para 2020 cerca de 1,8 milhão de barris diários em Tupi e outros blocos que serão desenvolvidos, praticamente o mesmo volume produzido atualmente pela companhia.

Foto: AGÊNCIA PETROBRAS DE NOTÍCIAS



Não deixe de comentar nossas postagens.

Gostou desse assunto, envie para seus contatos.

Obrigado pela visita e esperamos sempre sua volta.

Site: http://www.fabiorodrigues.com
Contato: fabiorodrigues@fabiorodrigues.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Clique no link "Postagem(ns) mais antiga(s)" (acima), para continuar lendo nosso blog. E a qualquer momento clique no link "Início" para voltar a página inicial.