22 de abr de 2009

PSOL de Pernambuco tenta justificar o injustificável.

Os corruptos e a tática da lama no ventilador

Por Edilson Silva, no Blog de Jamildo

O PSOL é um partido que tem se esforçado para colocar-se ao lado do povo na luta por uma sociedade melhor. Nesta batalha, atuamos buscando construir um projeto popular alternativo para o nosso país, de esquerda, articulado com os movimentos sociais, com os setores progressistas da sociedade. Dentro deste projeto, a luta contra a corrupção tem lugar de destaque, sendo uma das principais bandeiras políticas do PSOL.

É exatamente por isso que nosso partido é fiscalizado com lupas por todos aqueles que querem colocar um sinal de igual entre todos os atores que atuam no universo da política institucional, numa tática que visa criar uma desmoralização generalizada e uma sensação de impotência na população, deixando-a a mercê da privatização pura e simples do fazer político.

É esta tática que está em andamento há alguns meses com mais força. Chico Alencar, deputado federal do PSOL do Rio de Janeiro, colocou em sua prestação de contas do mandato, na internet, a contratação de assessoria na área de direito ambiental com um dos maiores especialistas na área, o advogado e ex-deputado federal e hoje vereador de Fortaleza pelo PSOL, João Alfredo. O contrato, de pouco mais de R$ 2 mil por mês, que foi administrado por cerca de dois anos, dentro da lei, dentro das políticas desenvolvidas pelo mandato (defesa do meio ambiente), e que foi publicado pelo próprio Chico Alencar em seu site, está sendo malandramente usado por parte da mídia como caso de mau uso de verbas públicas.

Caso semelhante é o de Luciana Genro, deputada federal gaúcha do PSOL. Usou a sua cota de passagens aéreas na Câmara para pagar passagens do delegado Protógenes Queiroz proferir palestras no Rio Grande do Sul, debates sobre a corrupção, um dos temas caros de seu mandato. A mídia, ou melhor, a grande mídia, está em cima comparando Protógenes com Adriane Galisteu e outros artistas que utilizaram a cota de deputados para animar camarotes em carnavais privados.

Enquanto isto, Daniel Dantas segue solto e recuperando gradativamente seus bilhões que foram bloqueados pela justiça via Operação Sathiagraha. Aos poucos, o escândalo da Camargo Correia vai se diluindo em meio a passagens aéreas de deputados.

A deputada Luciana Genro, uma jovem de convicção inquebrantável, deu o recado do PSOL de forma curta e grossa: "*Uso e sempre usarei a estrutura do meu mandato para fortalecer a luta contra a corrupção*". O PSOL nunca se intimidou e não se intimidará com esta campanha. Vamos continuar desafiando os poderosos de plantão, seus podres poderes, seu estado senil e sua corrupção incurável.

Presidente do PSOL/PE


Não deixe de comentar nossas postagens.

Gostou desse assunto, envie para seus contatos.

Obrigado pela visita e esperamos sempre sua volta.

Site: http://www.fabiorodrigues.com
Contato: fabiorodrigues@fabiorodrigues.com

Um comentário:

  1. Vocês deputados ,deveriam tomar vergonha na cara e criar uma lei para acabar com todos favorecimentos que tem esses f..... não é justo deputados e senadores, além de auxilio paletó, asessores, auxilio moradia, verba para cabinete,etc... Ainda viajar de 0800. Acorda Brasil.

    ResponderExcluir

Clique no link "Postagem(ns) mais antiga(s)" (acima), para continuar lendo nosso blog. E a qualquer momento clique no link "Início" para voltar a página inicial.